sábado, 30 de julho de 2011

Vc já sentiu inveja de alguém?

Terça-feira, eu fui na casa de minha melhor amiga (apenas minhas irmãs saberão quem é, thanks God!) pegar umas roupas emprestada e morri de inveja da quantidade de roupa e sapato legal que ela tem... me senti tão péssima, não por estar com inveja, mas por não ter quase nada pra usar e entender todas as vezes quando ela dizia (tadinha, com o maior cuidado): "vc vai com esse sapato? Mas todas as vezes vc sai com ele". Nem vou colocar aqui a quantidade de sapato que eu tenho que é capaz de vc se assustar...

Me senti horrível por não ter quase nada legal pra usar, mesmo ganhado quase o dobro do salário dela...

Isso é recorrente em minha vida. Eu quase nunca compro roupa e saio quase sempre com as mesmas coisas. Não são feias ou velhas ou fora de moda. Apenas não priorizo o ato de comprar roupa e sapato em meus investimentos.

Concluí que eu preciso dar um up em meus armários e no de Gui, pois eu já reparei que o melhor amiguinho dele que vem de uma família com menos grana que eu tem muito mais brinquedo e mais roupas que ele.

Eu sou da seguinte filosofia em relação a compras: compro o que estou precisando, mas ultimamente, por estar apertada de grana, eu tenho precisado de coisas que eu não tenho dentro de casa e que tenho que sair urgente e comprar por estar precisando (e precisar em meu vocabulário é não ter mesmo).


Minha colega de trabalho favorita vive me dizendo que eu preciso me arrumar mais e eu só fui dar conta disso olhando no armário de minha amiga que é tão desligada de moda quanto eu.
 
Será que eu preciso ser mais consumista? Eu realmente estou pilhada com isso.

Um comentário:

Lélia Maria disse...

não precisa ser consumista. é só comprar o que precisa. e pra que gastar agora se em maio tem orlando? tem que economizar muito pra a viagem valer a pena. sem contar que gui esta em fase de crescimento, não precisa ficar lotado de roupas, afinal ele vai acabar perdendo. outra coisa: para de comprar roupa velha em brechó. tu merece tudo novo, tudo teu. cabaço! saca?