segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Sumi. Estou em crise e em total ambivalência: ora me lanço em projetos de perda de tempo inúteis ora me descabelo. Mas não saio do lugar.
Estou fazendo a dieta dos pontos e VINHA emagrecendo beleza, uns três quilos, mas só foi eu voltar a trabalhar pra dar um nó em minha agenda e consequentemente, em minha vida. Acho que já engordei tudo novamente, pois não estou seguindo rigidamente a Reeducação Alimentar (RA) e nem fazendo esteira todos os dias. O ápice foi esquecer o horário de atendimento de uma paciente. Eu liguei correndo pra ela com uns 15 minutos de atraso, mas ela também não foi. Que resistência é essa? Dos dois lados? Caso para supervisão de hoje e para pensar em minha clínica.
Estes dias eu tô perdendo um tempo enorme participando de concursos e sorteios na net. Não estou conseguindo me mover, aliás, estou girando em torno de um memso ponto e sem saber sair: a minha falta de tempo. E logo eu que sempre me vangloriei de driblar a agenda como minguém mais... é dose.
Decidi então tomar alguas decisões:
(1) No dia que eu fizer esteira, eu não estudo. Arrumo alguma coisa, etc.;
(2) Vou estudar dia sim, dia não. E apenas assuntos voltados para a clínica com crianças;
(3) Não vou esperar por OL pra levar o filho pra passear, eu mesma vou dedicar o meu sábado e o meu domingo pra ele. Isso é o que me dói horrores, pois domingo é o dia sagrado da inutilidade: giboio na frente da TV, fico surfando na net e durmo o resto do dia. Isso acabou até segunda ordem.
(3) Criei um blog pra desopilar minhas futilidades, angústia de existir e postar m* do tipo que eu fiz no post passado. Este blog só serve a um propósito: relatar o meu lado fútil.
Viver é isso, gente, se rebolar pra não surtar.

Um comentário:

S. disse...

Fofa, relaxe! como dizia minha sábia vovó: o que n tem solução solucionado está. beijinhos