domingo, 13 de setembro de 2009

Saindo do casulo

Minhas irmãs acham que eu só ando na gandaia. Mal sabem elas quantas vezes eu digo não para ficar mais em casa. Se eu fosse aceitar todos os convites que me fazem eu só andava na rua... Mas enfim, aceito alguns que realmente, melhor eu tivesse dormindo. E dormir é o que há, né?
Quinta eu queria muitíssimo ir pra um pub aqui perto que é pegação pura, mas a minha amiga de todas as horas estava cansada (ela sempre me pergunta se eu não me canso), mas cansada pra ficar na farra e beijando aqui e acolá? Tem canseira pra isso? Não há nada melhor que beijar na boca e depois (se o beijo for bom), perguntar o nome do carinha... Mas aquela lerdeza só queria ir pra um lugar calmo e advinha? Jequitibar, lógico. Até os garçons já sabem nossos nomes, ajudar a sair quando eu tô em águas e só falta dirigir até aqui em casa e voltar andando... É vero, até mesa extra eles colocam pra nós duas. Só falta a carteirinha de clientes vips.
Lá é bom sempre até quando é uma quinta da pegação. Bebemos todas, dissolvemos nossos superegos, não tanto quanto eu gostaria, pois Déa queria assistir a novela. Essas minhas más companhias... Novela? A essa altura da vida?
Ontem eu saí com outra amiga de farra, mas com M. a farra é mais cultural, pra não dizer intelectual (tenho ojeriza a esse nome). Fomos ao Piolla e a uma feira de artezanatos (Bazar dos Nômandes). Muito cult pra o meu momento de piriguetagem atual. Mas minha amiga merece até a péssima pizza que rola por lá. Enfim, comprei umas roupitchas legais e comi a pior pizza da minha existência.
By the way, hoje é o niver de meu pimpinho!!! Gui tá fazendo três aninhos e a titia Nana dele está fazendo a maior festinha. Tudo muito lindo e eu não vejo a hora de começar a farrinha. Eu não sou muito fã de festas de criança e fui cair de paraquedas eu uma família altamente pró festas infantis.... Deus é pai, né? As festinhas de Gui estão garantidas. E se eu tiver outro filho tb (será que ainda vou parir novamente?).

Um comentário:

Lélia disse...

imagine pra mim ter que comparecer a estas festinhas? são pelo menos duas garantidas por ano. overdose de parabéns e pula-pula. mas meus sobrinhos merecem. minha filha que se deu mal, a mãe (e o pai) é um bicho-do-mato daqueles que mordem e não assopram.